Novo Património Mundial da UNESCO em Espanha: Dólmens de Antequera, Andaluzia

Os Dólmens de Antequera são um conjunto de monumentos megalíticos (estruturas construídas por sobreposição de rochedos, que se fixam sem recurso a nenhum material de construção), podendo ser vistos em Antequera, Andaluzia. A região é conhecida como o “coração da Andaluzia” devido à sua localização central entre as províncias de Málaga, Granada, Córdoba e Sevilha.

Estes Dólmens foram recentemente classificados como Património Mundial da Unesco: veja-os na 8ª entrada deste site.

A província de Málaga extende-se desde a área limítrofe de Antequera até à zona onde a cidade de Marbella se encontra com a província de Cádis. E se os encantos arqueológicos (e não só) da área o/a convencerem a ficar numa casa para alugar em Málaga, saiba também que esta é uma localização perfeita já que é bastante fácil de se chegar a Antequera a partir daqui.


Antequera

Antequera fica perto da cidade de Málaga, que é um destino magnífico caso goste de cultura e de andar de bibicleta. Mas é em Antequera que vai poder encontrar estas maravilhas arqueológicas com 5 mil anos de existência: o Dólmen Menga; Dólmen Viera; e o Dólmen Tholos de El Romeral, todos relativamente perto uns dos outros. A 15 de Julho de 2016, este último dólmen foi classificado como Património Mundial pela Unesco, o sétimo a receber esta denominação na Andaluzia e o 45º em toda a Espanha. 

A História dos Dólmens

Dólmen de Menga, Antequera

Acredita-se que os Dólemens de Menga e Viera foram construídos entre 3500 a.C. e 300 a.C. por agricultores que viviam no vale fértil de Guadalhorce, o que corresponde aos períodos do Neolítico e da Idade do Cobre (ano 5000 a.C. até 2200 a.C.). O El Romeral foi construído mais tarde, possivelmente no ano 2500 a.C.

Hoje, o património pré-histórico de Espanha, seja no campo da arquitectura, da pintura, e das outras expressões artísticas e culturais em geral, é de inquestionável valor. E é natural que à medida que se vá descobrindo nova arte rupestre, também a UNESCO vá classificando o património de incomparável valor histórico em Espanha.

La Peña de los Enamorados, Antequera

Segundo a UNESCO, os Dólemens são um “exemplo extraordinário da arquitectura megalítica e estão entre os mais reconhecidos e citados no mundo”. Incluídos no complexo geológico, não podemos deixar de reparar em duas incríveis formações montanhosas, a La Peña de los Enamorados, e El Torcal de Antequera, ambos elementos de importância maior já que permitiam oferecer contexto e posicionamento aos Dólemens quando foram construídos há muitas centenas de anos.  

O Dólmen Menga

Dólmen Menga, Antequera

O Dólmen Menga é o maior da Europa, quase atingindo os 30 metros. A pedra mais pesada desta estrutura pesa umas formidáveis 180 toneladas, o que significa 140 vezes mais do que a maior pedra de Stonehenge. A passagem para a entrada em Menga fica a 45 graus a nordeste, num sítio em que encara de frente a Peña de los Enamorados, e por isso também sendo um dos poucos Dólmens na Europa que estão de frente para um elemento natural de destaque.

Dólmen Menga, Antequera

Este seu posicionamento particular significa igualmente que, durante o solstício de verão, o sol brilha directamente por cima do pico da Peña de los Enamorados, banhando a frente do Dólmen de Menga pela luz do sol matinal. Crê-se que esta ocorrência não seja furtuita, e que originalmente se atribuía propriedades místicas à tribo que teve a arte suficiente para construir estas estruturas. 

O Dólmen de Viera

Dólmen Viera, Antequera

As características do Dólmen de Viera são mais regulares que as do de Menga e El Romeral. A zona de entrada fica a 96 graus leste, e por isso segue o padrão normal dos megalíticos ibéricos.

Dólmen Viera, Antequera

Uma característica interessante deste Dólmen em particular é a sua pedra traseira com um buraco no centro, algo que não fazia parte da estrutura original mas que foi provocada tempos mais tarde pelos assaltantes de túmulos. 

O Dólmen de Tholos de El Romeral

Dólmen de El Romeral, Antequera

O Dólmen de Tholos de El Romeral é uma “cúpula falsa, ou tumba em forma de colmeia”, contendo numa das suas câmaras mais profundas um tecto falso arqueado que não pode ser visto do exterior. Pensa-se que este seja um dos melhores exemplos de um tecto falso em cúpula de toda a Península Ibérica. As paredes deste Dólmen são o resultado de trabalho de alvenaria, e estão cobertas por terra e rodeadas de árvores.

Dólmen de El Romeral, Antequera

Na mesma câmara profunda do Dólmen encontramos 20 centímetros de uma laje de calcário, cujo propósito original ainda não se conseguiu apurar, sendo que não existe nenhum indício que tivesse propósitos sacrificiais ou de rituais fúnebres.

A passagem para a entrada do El Romeral está a 199 graus sudoeste, e, tal como acontece com o Dólmen de Menga, também está orientada para um elemento natural importante: a montanha de Comorroro de las Siete Mesas, que faz parte do conjunto principal de montanhas de El Torcal de Antequera.

Nas tardes em que acontece o solstício de inverno, o sol brilha directamente contra a parede traseira da câmara mais afastada do Dólmen.

Se quiser ver os Dólmens e experimentar a autêntica cultura rural espanhola, fique numa casa de férias em Antequera e deixe-se saciar completamente.

Mais informações

Entrada: Gratuita.

Horário de funcionamento:

1 Janeiro a 31 de Março; 16 de Setembro a 31 de Dezembro

Terças a sábados: 9h30 até às 17h30.

Domingos e feriados: 9h00 até às 15h30.

Fecha às segundas.

1 de Abril a 15 de Junho

Terças a sábados: 9h00 às 19h30.

Domingos e feriados: 9h00 às 15h30.

Fecha às segundas.

15 de Junho a 16 de Setembro (horário de verão)

Terças a domingos: 9h00 às 15h30.

Fecha às segundas.

Telefone: 952712206/952712207

Mapa 

Vivenda em Rincón de la Victoria

  • 4 quartos
  • 8 pessoas
  • 2 casas de banho
  • 1 wc
  • 220 m²: área coberta
  • 200 m²: terraço
  • 200 m² de jardim
  • Wi-Fi
  • Pátio
Id: 55700 Adicionar aos Favoritos Remover Remover
€ 442 - 952/semana € 72 - 136/noite Mostrar detalhes

Casa de campo em Frigiliana

  • 1 quarto
  • 3 pessoas
  • 1 casa de banho
  • 1 wc
  • 45 m²: área coberta
  • 20 m²: terraço
  • 600 m² de jardim
  • Piscina privada
  • Wi-Fi

Apartamento em Marbella (Los Naranjos)

  • 2 quartos
  • 4 pessoas
  • 2 casas de banho
  • 123 m²: área coberta
  • 15 m²: terraço
  • Piscina comum
  • Wi-Fi
  • Piscina de crianças
  • Mobília de exterior
Id: 78837 Adicionar aos Favoritos Remover Remover
€ 1 050/semana € 90/noite Mostrar detalhes
X


Eu li e aceito a política de privacidade
 Ganhe um voucher de € 750 como prémio! 
Ferias-Espanha.pt usa cookies de terceiros para melhorar os nossos serviços e mostrar anúncios ajustados às suas preferências, analisando os hábitos de navegação. Mude as configurações e obtenha mais informação. aqui